2jun

No meio da Pandemia SEMSA fecha um importante instrumento de saúde preventiva no bairro Presidente Vargas

Hoje (2) a Prefeitura de Manaus, através da SEMSA, encerrou as atividades da UBS S-06, localizada na rua São José, no bairro Presidente Vargas. Em plena pandemia, ao invés de reforçarem a atenção primária, o município decidiu desativar um instrumento de Atenção Primária à Saúde extremamente importante para o bairro e para a população manauara como um todo.

O aviso foi dado hoje mesmo durante a convocação de reunião. Vale informar que, na última semana, as atividades haviam sido suspensas. E hoje, na reunião, pediram apenas que arrumassem suas coisas e depois disso, recolheram todos os móveis e os documentos de lá. Foi dito ainda que o motivo da mudança é que “não há segurança no local”.

UBS S-06 / Divulgação

Nessa UBS, que funcionava aí há mais de 20 anos, os moradores podiam marcar consultas para as áreas de Clínica Geral, Pediatria e Ginecologia. Além disso, as unidades também estão preparadas para fornecer cuidados relacionados a Odontologia e Enfermagem.

Em paralelo à prevenção de doenças, os médicos e enfermeiros da “casinha” atuavam em outras frentes primordiais para proteger a saúde dos cidadãos, como fornecer diagnóstico preciso e oferecer tratamento e reabilitação adequados aos pacientes, além de fazer as campanhas do Ministério da Saúde diretamente com os moradores, como recentemente fizeram através da Campanha de Vacinação em casa.

Vacina em casa / Divulgação

Se a Prefeitura precisa de um local mais seguro, ao invés de remover esse aparelho tão fundamental para a saúde da população do bairro Presidente Vargas, por que não instalar a “nova” UBS no local onde funcionava o Centro POP? Aliás, é sabido por todos que o Centro Pop nunca foi bem quisto pelos moradores, mas o poder público insiste em tomar as decisões sem conversar com quem vive a realidade local.

Essa decisão arbitrária não pode ficar por isso mesmo. É necessário que seja revista e paperwritings.com os moradores. A UBS S 06 também conta com a operação da AMA (Assistência Médica Ambulatorial), da ESF (Estratégia de Saúde da Família) e do PSF (Programas de Saúde da Família).

Os profissionais saíram do bairro e agora foram realocados para lá pra UBS Dr José Rayol dos Santos, na Avenida Constantino, próximo ao FHEMOAM. A SEMSA disse que essa mudança seria temporária, mas sempre que falam isso, nunca é.

UBS S-06 vazia / Divulgação

Comentários

Compartilhe Esse Post!

Sobre Marcus Pessoa

Sou o idealizador do No Amazonas é Assim. Em meu blog escrevo sobre Cidades Inteligentes, Marketing Digital, Manaus de Antigamente além de dar minhas opiniões sobre Política e assuntos relacionados ao mundo digital.

Deixe uma Resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

© Copyright 2013-2020, Todos os Direitos Reservados