16jul

Saiba como os Deputados e Senadores do AM votaram na “turbinada do fundão” através da LDO2022

Compartilhe com os amigos!
0Compartilhamentos

Durante a votação no Congresso Nacional foi aprovado a Lei de Diretrizes Orçamentárias para 2022. O projeto da LDO determina as metas e prioridades para os gastos do governo no ano que vem. Vacinas, creches, casas e tratamento de câncer estão entre as despesas prioritárias, além de projetos para infraestrutura, melhorias das BR enfim, é uma forma de apontar como o dinheiro público deverá ser gasto no ano que vem.

Somente após a aprovação da LDO que os “bunito” podem tirar férias do meio do ano. Com a aprovação da LDO, o Congresso entrará formalmente em recesso parlamentar, entre 18 e 31 de julho.

Um dos pontos da LDO era o aumento estratosférico do Fundo Eleitoral, o chamado “Fundão”. Dinheiro esse pago pelos contribuintes para financiar partidos e campanhas eleitorais. Em 2018, o fundo eleitoral era de 2 bilhões de reais, agora, para 2022, ele foi aprovado pelos parlamentares e passará a ser 5,7 bilhões de reais, ou seja, quase 300% de aumento!
Os deputados do Partido NOVO propuseram um destaque para retirar do texto do LDO o aumento sem vergonha do “fundão”, porém, o destaque acabou derrubado.

É um absurdo o que estão fazendo. Em plena pandemia estão possibilitando que se aumente o Fundo Eleitoral. É uma coisa absurda! A imprensa toda já está falando nisso. É um desrespeito à nação.

E é aí que os parlamentares cara de pau estão se “justificando”. Pois o destaque foi derrubado e a LDO foi aprovada. O que aconteceu foi que os parlamentares fizeram a “ Votação Simbólica” , onde não se exige manifestação individual e aprova matéria pela maioria presente. Assim eles aumentaram os recursos do Fundo que será distribuído aos partidos em quase três vezes.

A partir daí, pipocaram declarações de deputados tentando justificar que não puderam se manifestar nessa votação mas que são contra o aumento. O Capitão Alberto Neto, do Republicamos, deu um migué que tava doente, mas distribuiu vídeo nas redes sociais, se explicando e dizendo que era um escárnio, ainda disse que “tiveram deputados que votaram a favor, mas são contra”. Vou colocar um pedaço do vídeo do parlamentar…

Independente disso no entanto, a proposta está aprovada e a bola agora está com o presidente Jair Bolsonaro. Caso ele vete, estará cumprindo inclusive o discurso com o qual foi eleito, de cortar absurdos e privilégios na administração pública. Caso não vete, contraria seu próprio discurso e perde muitos pontos junto a população.

A LDO foi aprovada com na Câmara Federal com 278 votos favoráveis e 145 contrários. No Senado, a vitória foi por 40 a 33, com apoio de Eduardo Braga e Omar Aziz.

E agora vou mostrar pra vocês, como votou cada parlamentar amazonense sobre o aumento no ‘fundão’

DEPUTADOS FEDERAIS
Marcelo Ramos – PL – Art 51 – não manifestou voto porque presidiu a sessão.

Votaram SIM :

Atila Lins – Progressista – SIM | Delegado Pablo – PSL – SIM | Silas Câmara – REPUBLICANOS – SIM | Bosco Saraiva – Solidariedade – SIM

Votou NÃO:

José Ricardo – PT – NÃO

SE ABSTIVERAM / CAGARAM

Capitão Alberto Neto (Republicanos) | Sidney Leite (PSD) estavam presentes na sessão na quinta-feira, mas não votaram.

O deputado José Ricardo (PT) foi o único parlamentar amazonense que votou contra a proposta, também seguindo a orientação do partido

SENADORES

VOTARAM SIM
No Senado, Omar Aziz (PSD) e Eduardo Braga (MDB) votaram a favor da proposta.

Votou NÃO:
Plínio Valério (PSDB) disse que votou contra.

Comentários

Compartilhe com os amigos!
0Compartilhamentos

Sobre Marcus Pessoa

Sou manauense, graduado em Design de Interface Digital, pós-graduado em Marketing, Propaganda e Publicidade pela Laureate International Universities e mestrando em Design da Comunicação na Politecnico di Milano - Itália. Sou o idealizador do No Amazonas é Assim e em meu blog escrevo sobre Cidades Inteligentes, Marketing Digital, Curiosidades do Amazonas, Manaus de Antigamente além de dar minhas opiniões e Pitacos sobre coisas do cotidiano que interferem diretamente na vida de todos.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *

*

© Copyright 2013-2021, Todos os Direitos Reservados