13dez

As novas evoluções do xadrez e do pôquer

Compartilhe com os amigos!
0Shares

A Federação Internacional dos Esportes da Mente (IMSA) reconhece o pôquer e o xadrez como esportes mentais há oito anos, mas a história dessas modalidades é muito mais antiga e elas evoluíram de diversas maneiras desde suas criações.

Um dos principais clássicos estratégicos

As origens exatas do xadrez são desconhecidas, mas a maioria dos historiadores concorda que ele surgiu na região da Índia durante o Império Gupta por volta do século VI d.C.  Depois disso, ele logo se espalhou para a China, Pérsia e para o resto do mundo.

Xadrez (Foto: Randy Fath / Unsplash)

Xadrez (Foto: Randy Fath / Unsplash)

Desde o começo, o xadrez estava atrelado à estratégia e conquista de territórios com as peças. Sua forma primitiva na Índia era chamada de Chaturanga e mostrava as quatro principais divisões do exército indiano: infantaria, cavalaria, elefantaria e carruagem.

Depois de vários séculos, essas peças evoluíram para o peão, cavaleiro, bispo e torre que todos conhecem. Não foram só elas que mudaram e, assim como muitos dos primeiros esportes mentais, as regras do xadrez evoluíram à medida que ele se espalhou pelo mundo.

Regras oficiais aumentam o desafio

Atualmente, os torneios oficiais seguem um conjunto de regras comuns que envolvem capturar o rei do oponente utilizando as peças da maneira correta. Contudo, também existem algumas que merecem ser mencionadas.

As duas principais são a “touch-move” (“tocou-mexeu” em tradução livre) e o uso de relógios ou temporizadores.

A touch-move é bem auto-explicativa. Ela dita que se um enxadrista tocar de qualquer maneira em uma de suas próprias peças, ele deve mover essa peça, desde que seja uma jogada legal e possível.

Ao contrário do que pode parecer ao espectador que apenas assiste filmes de xadrez, a maioria dos torneios usa temporizadores para regular o tempo gasto durante toda uma partida e não em cada jogada.

Isso significa que cada enxadrista recebe a mesma quantidade de tempo para usar durante todo o jogo e pode decidir como gastar esse tempo. Se ficar sem tempo, ele perde de maneira automática.

Novas modalidades interessantes

Durante todo seu período de existência, esse esporte da mente deu origem a uma série de modalidades diferentes muito interessantes e o xadrez Fischer Random é uma das mais populares.

Inventada pelo famoso campeão mundial Bobby Fischer,suas regras são quase as mesmas do xadrez padrão e as formas de vencer sãoidênticas. A diferença reside num esforço para reduzir o impacto da teoria de abertura e as peças nos lados de cada enxadrista são embaralhadas de maneiraaleatória – o que aumenta o grau de dificuldade do xadrez.

Um esporte milenar

Acredita-se que o esporte mental que hoje conhecemos como pôquer tenha raízes que remontam a quase 1.000 anos, cruzando vários continentes e culturas.

O antecessor europeu mais próximo do pôquer foi o poque, um jogo de cartas francês do século XVII que envolvia o uso de apenas três cartas na mão (no lugar das cinco atuais) e foi levado por colonos franceses para seus assentamentos na América do Norte.

Depois disso, colonos anglo-saxões da região modificaram o jogo e introduziram algumas das principais características do pôquer moderno, como as cinco cartas para cada participante e um baralho de 52 cartas.

Evolução e grande popularidade no mundo moderno

A partir daí, o pôquer se espalhou pelo rio Mississippi para toda a América do Norte. Alguns séculos depois, tomou conta do resto do mundo. Com o tempo, diferentes modalidades se tornaram dominantes, com destaque para a Texas Hold’em e a Omaha.

As duas contam com o mesmo número de rodadas e o uso de cartas individuais e comunitárias. A principal diferença entre ambas é que no Texas Hold’em cada participante conta com apenas duas cartas – enquanto na Omaha cada um recebe quatro cartas, o que aumenta o número de possibilidades de mãos.

Novas criações mantém o esporte sempre atual

Assim como o xadrez, o pôquer também tem uma forte presença online e sua mais nova iteração é uma combinação de Texas e Omaha. Chamada de “Fusion Poker “, essa modalidade é uma adição criativa que conta com as melhores partes de cada uma.

A Fusion funciona da mesma como a Texas antes do pré-flop (três primeiras cartas comunitárias) e todo os participantes recebem duas cartas individuais. A principal diferença é que, após o flop, cada um dos restantes recebe uma carta fechada extra.

O processo se repete mais uma vez depois do turn e, nesse momento, a Fusion se torna igual a Omaha, com cada um utilizando duas das quatro cartas individuais e três comunitárias para montar a melhor mão possível e vencer os oponentes.

Independente do pôquer ou xadrez, oimportante é praticar. Écomprovado que a prática de esportes mentais como o xadrez e o pôquer podetrazer diversos benefícios. Por isso, independentemente da modalidadeescolhida, o importante é escolher uma e praticar de maneira constante.

Compartilhe com os amigos!
0Shares

Sobre Marcus Pessoa

Sou o idealizador do No Amazonas é Assim. Em meu blog escrevo sobre Marketing Digital, Conteúdos Criativos, Empreendedorismo, Manaus de Antigamente além de dar minhas opiniões sobre Política e outras coisas mais.
Comentários
© Copyright 2013-2019, Todos os Direitos Reservados