21fev

Ideias para Livre Circulação nas Calçadas

Compartilhe com os amigos!
7Compartilhamentos

Este final de semana estive passando pela Avenida André Araújo e percebi uma intervenção bem bacana, porém, por nada criativa!

Observei que na frente de uma determinada empresa (Rede Amazônica), haviam colocado blocos de concreto para inibirem e impedirem que certos “motoristas” estacionassem nas calçadas. A atitude é digna de aplausos, afinal, essa cultura de estacionar nas calçadas é COMPLETAMENTE SEM NOÇÃO! Além de atrapalhar o trânsito, impossibilita a livre circulação de pedestres tirando um dos nossos direitos constitucionais: O direito de ir e vir.

Aliás, as denúncias sobre carros estacionados nas calçadas devem ser feitas ao Manaustrans pelo telefone 0800 092 1188, disponível 24h à população, mas isso é um outro assunto.

Voltando ao ponto de partida, minha dúvida é: Mas precisava mesmo serem BLOCOS DE CONCRETO?

Blocos de concreto na Avenida André Araújo. foto: Marcus Pessoa

Blocos de concreto na Avenida André Araújo. foto: Marcus Pessoa

Caso você não tenha acompanhado ou não esteja informado, em uma pesquisa realizada em parceria entre o Implurb, o grupo Pedala Manaus e a Empresa Jr. da Uninorte Laureate, na Avenida André Araújo no dia 5 de junho de 2013, observou-se que passam em média de 96 ciclistas por hora.

Se sabemos que é uma avenida que funciona também como rota de bicicletas, talvez a solução criativa que vi lá fora, nos servisse!!

Ao invés de colocarem blocos de concreto, a Prefeitura de Milão instalava barras de ferro.

Essas barras serviam não apenas para coibir que os veículos subissem nas calçadas, como davam a possibilidade para que os ciclistas  amarrassem suas bicicletas nelas, afinal de contas, as bicicletas ocupam muito menos espaço e essas barras ficam muito mais elegantes de serem vistas do que meros blocos de concreto.

Barras de ferro para bicicletas. Foto : Marcus Pessoa

Barras de ferro para bicicletas. / Foto : Marcus Pessoa

De repente, se tivéssemos essas barras, nos sentíssemos mais seguros para andarmos nas calçadas, além de serem úteis para toda a população. Atitudes simples e inteligentes assim é que fazem toda a diferença nas cidades criativas.

Compartilhe com os amigos!
7Compartilhamentos

Sobre Marcus Pessoa

Sou o idealizador do No Amazonas é Assim. Em meu blog escrevo sobre Marketing Digital, Conteúdos Criativos, Empreendedorismo, Manaus de Antigamente além de dar minhas opiniões sobre Política e outras coisas mais.
Comentários
© Copyright 2013-2019, Todos os Direitos Reservados