Tag: Belle Époque

11set

Conheça a chácara O Pensador local onde morreu Eduardo Ribeiro, o principal governador do Amazonas da Belle Époque

Em 14 de outubro de 1900 morria na cidade de Manaus o maior Governador que o Amazonas já teve, o Dr. Eduardo Gonçalves Ribeiro. À Eduardo Ribeiro é atribuída a mais profunda intervenção modernista na arquitetura e nos equipamentos públicos de Manaus, no momento em que o Amazonas contava com dinheiro advindo da borracha. Porém, apesar da sua importância histórica, a verdade é que ele sempre foi “boicotado” e sofreu preconceito por ser negro, nordestino e de baixa estatura, motivos suficientes para que ocorresse a sua perseguição política por parte das elites política e econômica da época.

Para se ter ideia, soterraram seu nome do alto do Teatro Amazonas, que havia sido gravado em pedras revestidas de ouro, na lateral superior esquerda do prédio. A placa só foi redescoberta em 2012, durante obras de manutenção do Teatro Amazonas.

Eduardo Ribeiro em frente à sua Chácara / Fotomontagem Marcus Pessoa

Eduardo Ribeiro em frente à sua Chácara / Fotomontagem Marcus Pessoa

Leia Mais »

21ago

Publicidade de Manaus na época do Fausto entre 1890 – 1920

Um dos conteúdos que mais gosto aqui no meu blog é sobre a Manaus da Belle Époque. Gosto de sentir o luxo como as coisas eram retratada, como as coisas eram produzidas, mesmo que aquilo tenha aumentado ainda mais a diferença social em Manaus do início do século passado. Revirando alguns livros meus sobre a história antiga de Manaus, encontrei algumas Publicidade de Manaus na Época do Fausto que ocorreu entre 1890-1920 e decidi compartilhar com vocês.

Muitos dos locais já fecharam, outros ainda resistem ao tempo, ainda que tenham mudado tudo. São alguns flyers e cartazes que circulavam em Manaus em busca de novos consumidores, novos revendedores, bem típico da publicidade. Um bom publicitário sabe persuadir, convencer o consumidor de forma inovadora. A partir dessas peças gráficas podemos perceber como na época do Fausto, Manaus vivia seu apogeu econômico e as pessoas mais ricas eram cada vez mais ricas, as publicidades que estarei ilustrando aqui eram voltadas para essas pessoas. Abaixo, um exemplo da publicidade antiga e o local ainda em 2021 resistindo, no caso o Au Bon Marche.

Publicidade de Manaus na época do Fausto entre 1890 - 1920

Publicidade de Manaus na época do Fausto entre 1890 – 1920

Leia Mais »

9jan

The Manaos Tramways

Segue uma galeria de imagens históricas do bonde de Manaus, The Manaos Tramways.
As fotos infelizmente não estão em ordem cronológica e também não possuem os fotógrafos identificados, irei fazer um levantamento preciso de modo a termos mais essa informação pra apreciarmos.

Leia Mais »

18maio

Conheça o lado desumano da Belle Époque que você não aprende nos livros tradicionais

Um dos períodos mais importantes para o desenvolvimento do Amazonas sem dúvida foi o período da borracha. Com a indústria precisando do nosso látex, conseguimos galgar destaque internacional. Um bom administrador, com seus projetos mirabolantes, que até hoje encantam o mundo inteiro, não perdeu tempo e fez a maior modernização histórica que o Amazonas já se teve notícia.

A Belle Époque (bela época, em português) foi um período histórico-cultural de muitos avanços tecnológicos que surgiu após a Segunda Revolução Industrial, na Europa, no final do século XIX (1860-1870) e durou até a eclosão da Primeira Guerra Mundial em 1914. A partir da primeira guerra mundial, e com a biopirataria que sofrera o Amazonas, a borracha foi perdendo espaço pra competição internacional, até o declínio total. Muitos que ficaram milionários com a seringa, acabaram empobrecendo e indo embora.

A Belle Époque durante o período áureo da borracha , trouxe o espírito europeu à amazônia e marcou nossa história como uma época de profundas transformações culturais que se traduziram em novos modos de pensar e viver o quotidiano.

Manaus na ” Belle Époque”

Leia Mais »

23jul

Como chegar nas Ruínas da Represa e Estação de Bombeamento de Águas da Cachoeira Grande

Em novembro de 2013, decidi convocar meu amigo Edlucio Castro para a seguinte missão: Visitar as Ruínas da Represa da Cachoeira Grande, no bairro São Jorge em Manaus.

A Represa e Estação de Bombeamento de Águas da Cachoeira Grande foi inaugurada em 1888, com 105 metros de comprimento.

As fotografias antigas mostram como era bonito o local. O progresso desenfreado e a insensibilidade das pessoas acabaram com tudo, o igarapé virou um esgoto a céu aberto – o que restou do empreendimento foram as ruínas do imponente prédio, no estilo medieval.

O passado dessa obra magnífica pode nos ensinar como não construir o futuro. Nesse post, eu ( Marcus Pessoa), lhes guio até o encontro deste magnífico prédio! As fotografias ficaram por conta do Edlucio Castro.

Represa da Cachoeira Grande em Manaus

Represa da Cachoeira Grande em Manaus

Leia Mais »

© Copyright 2013-2021, Todos os Direitos Reservados