Como usar o Google Plus

O Google Plus (Google+) já é uma das redes sociais mais acessadas da internet. No Brasil o Google Plus já é a segunda rede social mais acessada, e isso se deve a suas funcionalidades com certeza.

Para 2014, o Google Plus se transforma em tendência, e principalmente para onde estão migrando muitos usuários do Google Acadêmico, enquanto os ex-usuários do Orkut estão migrando em massa para o Facebook.

Por que todo blogueiro deve dar atenção ao Google Plus

Na verdade, todo mundo que escreve na Web, seja em blogs, sites ou grandes portais, deve usar o Google Plus por um simples fato: segundo um artigo de Jeff Sauer, o G+ influencia bastantante nos resultados da busca do Google. Tanto que, dependendo das condições, um simples +1 pode fazer com que um site recém criado (com 24 horas de vida) seja levado do nada, para a primeira página das pesquisas.

Relatórios do Google Analytics sobre o Tráfego “social media”

Medir resultados do seu site e ainda descobrir como está a sua marca nas redes sociais é o grande desafio das empresas hoje. Pensando nisso o Google criou um conjunto de ferramentas de relatórios de “social media” dentro do Google Analytics.  No post vamos ver como o Google analisa o “Tráfego Social” e como  o Brandviewer pode ajudar a conseguir ainda mais resultados.

Relatórios do Google Analytics sobre o Tráfego “social media”

Relatórios do Google Analytics sobre o Tráfego “social media”

Quanto cobrar para fazer a gestão de mídias sociais enquanto freelancer?

Durante as últimas semanas tenho me focado na questão da cobrança dos freelancers aos clientes. Não que seja um tema novo para mim, mas sim porque muitos leitores do blog (mas mesmo muitos) têm perguntado constantemente quanto devem cobrar pelos seus serviços. Então, decidi criar aqui uma sequência interessante de posts de forma a que possa retirar as dúvidas nas mais variadas áreas de negócio.  Hoje vou me focar em outra área que também tenho vindo a ter bastante experiência durante os últimos meses: a gestão de mídias sociais enquanto freelancer.

O perfil e as preferências dos brasileiros nas redes sociais

Recentemente foi concluída a maior pesquisa quantitativa já realizada no Brasil para entender quem são os brasileiros nas redes sociais, quais seus temas favoritos, os temas odiados, como os homens e mulheres estão agrupados, como são suas relações com amigos, seguidores e marcas, entre outros pontos.

550 mil publicações nas redes sociais foram geradas sobre as manifestações

Em protesto ao aumento nas tarifas do transporte público ocorridos nas principais capitais brasileiras, 215 mil pessoas, aproximadamente, saíram às ruas em cidades como São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Porto Alegre e Recife. Nas redes sociais a presença foi ainda maior, de acordo com levantamento feito pela agência Today.

[xyz-ihs snippet=”02mp”]

Apenas no dia 17, quando ocorreu a maior aglomeração popular, o mapeamento apontou 548.944 publicações, entre posts e comentários. Entre os termos mais mencionados estão #vemprarua, #ogiganteacordou, #protestosp, #mudabrasil e #semviolencia, concentrados majoritariamente no Twitter, com 483.839 (88%). No Facebook, a partipação foi de 10%, enquanto outras mídias, como Google+ e Blogs, tiveram 2% de repercussão.

Durante o dia, a participação nas redes sociais teve um crescimento constante a partir do início oficial das manifestações, às 17h. Neste horário, 35.668 menções foram feitas, contra 51.218 às 18h, 54.058 às 19 e 87.795 às 20h, momento de maior pico, concentrando 15% dos comentários do dia.

[xyz-ihs snippet=”01mp”]

550 mil publicações nas redes sociais foram geradas sobre as manifestações

fonte : Portal MakingOf