Preços dos Ingressos da Copa do Mundo Brasil 2014

Saiu uma lista dos preços dos ingressos para os jogos da Copa do Mundo no Brasil em 2014. Além disso, saiu também uma lista de dicas para como conseguir comprar os ingressos que serão vendidos a partir do mês de agosto!

[hana-code-insert name=’Google’ /]

Copa no Brasil terá ingressos entre 60 reais e 1.980 reais

Copa no Brasil terá ingressos entre 60 reais e 1.980 reais

Fifa iniciará a venda no dia 20 de agosto, em modelo semelhante ao da Copa das Confederações. Entidade promete melhorar distribuição dos bilhetes em 2014

[hana-code-insert name=’Google2′ /]

Os brasileiros poderão assistir a uma partida de Copa do Mundo por 60 reais, o menor preço cobrado pela Fifa na história recente do torneio (e um valor inferior aos ingressos cobrados por muitos clubes brasileiros). Com meia-entrada, os bilhetes mais baratos do torneio podem sair por 30 reais.

Preocupada com as críticas sofridas ao longo da Copa das Confederações, a Fifa cumpriu a promessa de baixar os preços – pelo menos em algumas categorias de bilhetes – e abriu as portas para que diferentes classes sociais tenham acesso aos estádios durante a competição. As entradas mais baratas são para os assentos atrás dos gols, no alto das arquibancadas, com preferência para estudantes, idosos e beneficiários do Bolsa Família. Mais de 400.000 ingressos populares serão comercializados. Não faltarão, é claro, cadeiras para quem estiver disposto a gastar muito dinheiro: os bilhetes mais caros – para a final e no melhor setor possível – custarão 1.980 reais, de acordo com o anúncio feito pela Fifa nesta sexta-feira, em São Paulo. As vendas começam no dia 20 de agosto, pelo site oficial da entidade.

JOGOS Categoria 1 categoria 2 categoria 3* categoria 4**
Abertura R$ 990 R$ 660 R$ 440 R$ 160
Fase de grupos R$ 350 R$ 270 R$ 180 R$ 60
Oitavas de final R$ 440 R$ 330 R$ 220 R$ 110
Quartas de final R$ 660 R$ 440 R$ 330 R$ 170
Semifinais R$ 1.320 R$ 880 R$ 550 R$ 220
Terceiro lugar R$ 660 R$ 440 R$ 330 R$ 170
Final R$ 1.980 R$ 1.320 R$ 880 R$ 330

*Essa faixa de preço também serve para os portadores de deficiência física **Com direito a meia-entrada

Na fase inicial de vendas, os ingressos serão sorteados entre todos os que se inscreverem no processo, sem vantagem para quem fizer o pedido no início ou no fim do prazo. Nessa etapa, o torcedor concorrerá aos bilhetes sem saber quem vai jogar – só as datas e locais das três primeiras partidas da seleção brasileira já estão marcadas. O sorteio dos grupos acontece em 6 de dezembro, na Bahia. Só depois da definição da tabela é que começa a segunda etapa das vendas. A meia-entrada para estudantes só vale para a categoria 4. Idosos podem pagar meia também nos outros setores. Os torcedores de outros países vão pagar a partir de 90 dólares pelas entradas, já que não podem concorrer aos bilhetes da categoria 4, dos ingressos populares, restritas aos brasileiros. Pelo câmbio desta sexta, o ingresso mais barato para os visitantes é equivalente a 200 reais, por entradas de categoria 3 para os jogos da fase de grupos. O ingresso sai por 20 reais a mais que o preço cobrado dos brasileiros.

Os bilhetes de categoria 1 dão acesso aos melhores lugares do estádio, nas laterais do gramado. As categorias 2 e 3 ficam nos cantos do campo e atrás dos gols, onde também serão distribuídos os portadores de ingressos populares da categoria 4. Além do preço reduzido para os setores populares, outro efeito dos ataques sofridos pela Fifa no mês passado – como pichações e cartazes contra a entidade em meio à onda de manifestações que se espalhou pelo país durante a Copa das Confederações – foi a promessa de que a distribuição dos bilhetes vai melhorar para a Copa do Mundo. O diretor de Marketing da entidade, Thierry Weil, anunciou em São Paulo que os centros de distribuição de ingressos, onde os torcedores devem retirar as entradas compradas pela internet, serão mais numerosos e terão localização mais conveniente. Para evitar que os torcedores enfrentem as longas filas observadas no mês passado, a Fifa propõe, por exemplo, espalhar centros de ingressos por todos os aeroportos das doze sedes.

Dicas para como aumentar suas chances na compra dos Ingressos para a Copa:

Escolha os jogos certos

É claro que as partidas mais importantes são as mais concorridas – todo mundo quer estar na abertura, na final e nos jogos da seleção brasileira. Quem decidir tentar a sorte nessas datas precisa saber que está disputando um lugar com muita gente. O ideal é entrar no sorteio por uma ou duas entradas desse tipo, mas tentar a sorte também nos jogos menos badalados da fase de grupos.

Aposte na pré-venda

Se você tem um cartão Visa, vale a pena tentar a compra logo na primeira fase de comercialização das entradas. Os jogos ainda não estarão definidos, mas todos sabem quais serão as datas das partidas da seleção, que está no grupo A.

Esqueça da categoria 4

A não ser que você se encaixe num dos grupos de compradores preferenciais – estudantes com carteirinha válida, idosos e beneficiários do Bolsa Família -, não é bom negócio concorrer aos bilhetes populares para o torneio. Eles são mais baratos, mas boa parte está reservada a esses três grupos. Isso significa que sua chance de ser sorteado diminui consideravelmente – afinal, há dezenas de milhares de pessoas na sua frente, por causa dos critérios de preferência adotados pela organização.

Tente sedes menores

É evidente que cada sede terá um volume enorme de inscrições de moradores do próprio município. Se você pode aproveitar para viajar no período do torneio, uma boa opção é tentar ingressos em sedes menos populosas – e, portanto, menos concorridas. São Paulo e Rio de Janeiro, por exemplo, deverão ter uma enorme disputa pelos bilhetes.

Não recorra a cambistas

A Fifa adota uma série de mecanismos para desencorajar a revenda de bilhetes. Quem é sorteado precisa, por exemplo, entregar com antecedência o nome de quem usará cada entrada, que é intransferível. Achar que é mais fácil encontrar um revendedor é se iludir. É bem possível que você esteja pagando por um ingresso que não existe, que foi falsificado ou que foi cancelado pela Fifa. Além disso, os valores praticados por quem tenta revender os ingressos de Copa costumam ser extorsivos.

fonte : Veja

Comentários

Sou manauense, graduado em Design de Interface Digital, pós-graduado em Marketing, Propaganda e Publicidade pela Laureate International Universities e mestrando em Design da Comunicação na Politecnico di Milano - Itália. Sou o idealizador do No Amazonas é Assim e recebi o Prêmio Top Empreendedor nas Américas, além da Comenda da Cruz do Reconhecimento do Mérito do Empreendedorismo e a Cruz do Mérito da Amazônia, ambas as comendas outorgadas pela pela Câmara Brasileira de Cultura. Me interesso por Marketing Digital, Mídias Sociais, Branding, Gestão de Conteúdos Web, Turismo Cultural, Manaus de Antigamente além de Políticas Criativas.