“Cui Bono?” A mando de quem estão os blogs marrons que se multiplicam dia após dia na blogsfera amazonense

Hoje através de tutoriais no Youtube qualquer pessoa pode ficar apta a desenvolver o seu próprio site/blog/portal e sem dúvida já é algo que deve ser considerado por todos nós cidadãos amazonenses. A partir da internet, que é um meio de comunicação capaz de unir indivíduos em todas as partes do mundo, as pessoas podem emitir suas opiniões (com ou sem responsabilidade) e essas opiniões alcançarem milhares de pessoas, incluindo todas as classes sociais e econômicas.

E é justamente aí que mora o perigo! Quando a informação é dada de forma irresponsável e descompromissada com o fato. O mundo virtual destaca-se por agregar todos os tipos de conteúdo e por ser utilizado como a grande ferramenta de busca de informações. Além das pessoas irem em busca do conteúdo, os conteúdos, através de artigos patrocinados, alcançam as pessoas sem que elas necessariamente queiram.

Então, se juntarmos a facilidade da criação de um blog e de criação de conteúdo, podemos imaginar os riscos que isso ocasionará para a sociedade e o efeito que isso dá em quem é vítima da ‘Imprensa Marrom‘, que aqui nesse artigo, estarei chamando de ‘Blogs Marrons‘.

A expressão ‘Imprensa Marrom‘ é uma expressão de cunho pejorativo, para se referir a veículos de comunicação, principalmente imprensa tradicional (jornais, revistas e emissoras de rádio e TV), mas também pode ser utilizada para as novas mídias (blogs, portais, perfis sociais, fakes) que fazem de tudo para chamar a atenção através de conteúdos considerados sensacionalistas, ou seja, que buscam elevadas audiências e vendagem através da divulgação exagerada de fatos e acontecimentos, sem compromisso com a autenticidade.

No caso da ‘Imprensa Marrom Amazonense’ e dos ‘Blogs Marrons Amazonenses’, você com certeza já tem alguns na sua mente. E vale lembrar que ‘Blog Marrom’ não é ‘Blog Chapa Branca‘. Enquanto o ‘marrom’ está muito relacionado ao ‘sensacionalismo’ e ‘extorsão’, o termo de ‘Imprensa Chapa Branca‘ é aquilo que todos já conhecem: O governo (municipal, estadual ou federal) privilegia alguns sites na hora de soltar a verba. Ou seja, o critério não é audiência, mas sim alinhamento ideológico, propaganda estatal, “jornalismo” chapa-branca e é fácil detectar.

Uma dica rápida é olhar no site e verificar se tem algum banner institucional. Isso demonstrará que aquele veículo divulgará os conteúdos institucionais com ênfase, afinal, ele está recebendo patrocínio do Governo Municipal (Prefeitura), ou Governo Estadual e está simplesmente cumprindo sua função de informar (ou em alguns casos, abafar ou até mesmo mirar a atenção da grande massa para outro canto).

E isso, em ano eleitoral, é um arma de peso para quem está no poder, se manter no poder, pois pela lógica, quanto mais veículos disseminarem as notícias na internet, mais pessoas estarão consumindo e acreditando naquele conteúdo. Não a toa,  que existem verbas altíssimas destinadas a publicidade digital.

Novamente a dica é :  não acredite em tudo que você vê (ou lê) na internet. Seja crítico do que você lê. Não tomem como verdade só porque vocês viram em um site chamado “portal” ou “blog” que é verdade. Fotos podem ser montadas, textos podem ser inventados. A internet é uma fonte subjetiva de conhecimento. Forme sua própria opinião, consulte mais fontes e sobretudo, façam sempre aquela pergunta que os romanos faziam : “Cui bono“? ou seja, “a quem beneficia?”. Sempre que você estiver diante de uma situação que merece reflexão, se questione. Se questione principalmente quando o assunto envolver política. Questione-se sempre “A mando de quem essa pessoa está?”.

"Cui Bono"

“Cui Bono”

Como todos os suportes de conhecimentos, a internet também é um rio de mentiras, de calunia, de exageros, de difamação e de destruição da fidelidade da verdade. As fakes news ganham cada vez mais corpo e se confundem cada vez mais no cotidiano das pessoas. No meu blog, inclusive, havia listado alguns portais de notícias falsas assumidos.

Blogs marrons se multiplicam dia após dia na blogsfera amazonense e você poderá ser a próxima vítima. Abaixo uma pesquisa de alguns blogs e portais amazonenses que você com certeza nunca ouviu falar, mas que já arrastam milhares de leitores. Cui Bono?

Lista de Blogs e Portais Amazonenses / Fonte : #Pesquisa365

O Núcleo de Inteligência Digital da #PESQUISA365 apresentou o primeiro relatório de análise de tráfego de portais, jornais e blgos do Amazonas, monitorados no período de 1º a 30 de setembro de 2017 / Fonte : #Pesquisa365

DEIXE SEU COMENTÁRIO AQUI!

Sou manauense, graduado em Design de Interface Digital, pós-graduado em Marketing, Propaganda e Publicidade pela Laureate International Universities e mestrando em Design da Comunicação na Politecnico di Milano - Itália. Sou o idealizador do No Amazonas é Assim e recebi o Prêmio Top Empreendedor nas Américas, além da Comenda da Cruz do Reconhecimento do Mérito do Empreendedorismo e a Cruz do Mérito da Amazônia, ambas as comendas outorgadas pela pela Câmara Brasileira de Cultura. Em meu blog, escrevo sobre Marketing Digital, Mídias Sociais, Branding, Gestão de Conteúdos Web, Turismo Cultural, Manaus de Antigamente além de Políticas Criativas.