As 5 regras de ouro para se fazer Marketing de Mídia Social com maestria

É cada vez mais notório que as redes sociais fazem parte do método de escolha de produtos e serviços. Através delas os clientes podem  conversar e conseguir o máximo de informação de um determinado produto. Ou seja, é o grande padrão aceito para quem quer ter seu negócio no século 21. Não basta mais apenas informar a novidade ou diferencial, a empresa precisa estar pronta para a troca de informação.

As 5 regras de ouro para se fazer Marketing de Mídia Social com maestria

Regras de ouro para se fazer Marketing de Mídia Social com maestria

No entanto, o marketing de mídia social é uma espada de dois gumes. Se não estivermos utilizando-o de forma eficiente, eficaz e estratégica, pode acabar sendo o maior desperdício de tempo da história!

Para você saber se sua empresa está ou não tirando proveito, segue abaixo as 5 regras de ouro sobre marketing de mídias sociais.

1. Não é sobre os números

Vamos ser claros sobre este ponto. É ótimo ter milhões de seguidores  e milhares de curtidas no Twitter, Facebook, Instagram etc, mas essa obsessão fanática que temos com os seguidores acumulados é insana. Isso não nos leva a NENHUM LUGAR.  Não há valor em uma multidão de fãs se eles realmente não se importam com o que você tem a dizer.  Veja se aquela página “bombada” tem interação e veja se vale a pena ter número. Impressionar concorrente? Sério? Esqueça essa ideia. As redes sociais só tem valor se você perceber que há engajamento. É sobre conversas, relacionamentos e engajamento, não massas.

 

2. Não é um plano de marketing

Embora muita gente pense que marketing em mídias sociais exige um plano de marketing específico, não é bem assim. A participação em mídias sociais e o compartilhamento de informações podem e devem ser (na minha opinião, não vou dizer humilde) um canal valioso para os esforços de marketing. Mas não pode ser toda independente e sim, parte de um todo. Se você acha que pode apenas postar alguns tweets, obter algum barulho nas redes e o negócios magicamente aparece, você está redondamente enganado. Não coloque todos os seus ovos em uma cesta. O marketing em si precisa ser uma abordagem multifacetada.

Dependendo do seu negócio ou serviço, você pode precisar de publicidade impressa, rádio ou TV, possivelmente anúncios na Internet, entre outros, mas acima de tudo, você definitivamente precisa de um site.

 

3. Pare de falar sozinho

A mídia social só é valiosa quando se trata de um ciclo de duas vias. Você compartilha informações, outros comentam, recebem informações e oferecem contribuição a outras pessoas. Informação e conversação; dentro e fora. Ouvir é tão valioso quanto falar.

 

4. Os resultados não são necessariamente proporcionais aos esforços

Quanto mais tempo você gasta em mídias sociais, melhores resultados você alcança, certo? ERRADO. Em um determinado ponto, o tempo extra que você gasta em comunicação de mídia sociail é apenas tempo desperdiçado que você poderia estar usando para outras coisas, digamos criar, vender ou conectando pessoas. Determine com antecedência quanto tempo é necessário para seu esforço de marketing, agende no seu dia, e cumpra-o.

5. Isso não acontece da noite para o dia

Não tente seguir 10.000 pessoas por aí. Você apenas será visto como um spammer. Seja criterioso, construa sua “rede” de forma gradual e consistente. Seja seletivo, seja alvejado, e seja claro com quais são seus objetivos.

Um último conselho, as redes sociais não devem apenas ser úteis, mas agradáveis e interessantes também. Se você não está aprendendo coisas novas e interessantes e nem mesmo conhecendo novas pessoas fabulosas … então você provavelmente está fazendo tudo errado e provavelmente não obtendo os resultados que você quer tanto.

Amou esse artigo? Compartilhe-o com seus amigos no Facebook. Me siga e vamos conversar.

Comentários

Sou manauense, graduado em Design de Interface Digital, pós-graduado em Marketing, Propaganda e Publicidade pela Laureate International Universities e mestrando em Design da Comunicação na Politecnico di Milano – Itália. Sou o idealizador do No Amazonas é Assim e recebi o Prêmio Top Empreendedor nas Américas, além da Comenda da Cruz do Reconhecimento do Mérito do Empreendedorismo e a Cruz do Mérito da Amazônia, ambas as comendas outorgadas pela pela Câmara Brasileira de Cultura. Me interesso por Marketing Digital, Mídias Sociais, Branding, Gestão de Conteúdos Web, Turismo Cultural, Manaus de Antigamente além de Políticas Criativas.